domingo, 19 de setembro de 2010

É por estas e por outras que escrevi o post abaixo...


Oiço na tv uma dessas meninas das festas a dizer, quando foi andar de balão de ar quente a pedido dos telespectadores e com a viagem oferecida pel'A Vida é Bela: "Que fique claro que tive que acordar às 5 da manhã para estar aqui".

A sério?! Estou mesmo cheia de pena! E se a menina tivesse caladinha? A minha irmã teve de andar um ano inteiro a acordar a essa hora porque o único emprego que conseguiu arranjar na área dela era a muitos kms de distância de casa...
Foto: PJ Harvey

8 comentários:

Sea disse...

Sim... eu vi .. essas peruas do famashow devem ter vida boa mesmo :S

e as pessoas normais q tem q trabalhar bem cedo é porque gostam :S

haja paciencia!!

Angela Melo disse...

lol eu tbm vi e disse o mesmo..
és igual a filha da minha mãe

Myosotis disse...

Oh God!! Ponham essa mulher num trabalho dito "normal" para ver se acorda pra vida. Taduxa dela!!

**Beijinhos**

NA disse...

Cara TA, hoje vou ser do contra! Frontalmente. Discordo deste post e, em parte do anterior. Pois que passo a explicar. Acho que não é criticável a sra. acordar ou deixar de acordar às 5 da manhã e disso se queixar. Razão simples: não se sabe qual a realidade de vida da pessoa que proferiu essas palavras. Será que a sra., como parte da sua profissão faz, por exemplo, animação em festas que duram até às 4h? Se é uma das "meninas das festas"? Até pode ser, mas é um trabalho tão digno qt qq outro. Se salva vidas? Se calhar não. Mas contribui certamente para a felicidade de quem vais às festas, o que é igualmente importante. Por outro lado, dizes que a tua irmã só arranjou um emprego na área dela a muitos Km de casa. A situação é lamentável, obviamente, mas não nos podemos esquecer que milhares de portugueses nem isso conseguem. Rasando agora a falácia da derrapagem: e, se os desempregados têm mais razões para se queixar, alguém que tenha sido atropelado e não consiga andar n terá mais ainda? Isto para dizer que acho que as coisas devem ser contextualizadas e que o que para nós é completamente negligenciável e ridículo, para outras pessoas pode ser importante e vice-versa. Ou alguém acha que se se dissesse a um paralítico que ele ia voltar a andar, mas a contrapartida era ter de ir todos os dias trabalhar a 50 Km de distância ele ouvia sequer essa última parte? Quanto ao post anterior, sim, acho que os verdadeiros heróis merecem mais e todo o destaque, mas a verdade é que para uma causa (ou uma marca) o que dá visibilidade são as figuras públicas, e temos de entender que as empresas têm apenas um objectivo, dar lucro! E se assim não for é mau para toda a gente: patrões, empregados e sociedade. Outros mecanismos hajam de reconhecer quem merece justo reconhecimento. E, já agora, quando é q será q saem as ementas do LRW? NA

teardrop disse...

Caro NA,

Percebo tudo o que escreveste. E é por isso que continuo a achar completamente descabido uma pessoa estar na tv a queixar-se que teve de acordar às 5h da manhã.

Apesar de estar de acordo com o que escreves, eu escrevo segundo a minha realidade...

E a minha realidade foi a de ser aluna bolseira, que ia de autocarro para a faculdade demorando 1h15m em cada viagem (quando a coisa corria bem), de só tirar a carta quando já estava a trabalhar, de ter um carro que só comprei depois de dois anos de trabalho. Se hoje tenho uma vida confortável, nem sempre foi assim. E foi à custa de bastantes sacríficios meus e de outras pessoas. E nunca me queixei, porque sabia que ia conseguir ter uma vida melhor a seguir!

Espero que as ementas apareçam rapidamente porque dia 22 é depois de amanhã!!!

Quando te apanhar no ginásio falamos melhor ;)

Beijinhos

Anna * disse...

Essa gente é de mais !!

Soinita disse...

Eu até já escrevi um post sobre isso... emprego difícil que essas senhoras têm... =)

Dina disse...

Obrigada :)