domingo, 5 de abril de 2015

Tempo de e para... mim

Temos tido as janelas completamente abertas por estes dias. Deixar entrar a luz, o som dos pássaros que começam a passear pela cidade, o cheiro das flores e das árvores. Tem sido bom perceber (ao fim de quase 6 anos) que na cidade podemos, de alguma maneira, estar perto da Natureza... Nem sempre estamos despertos e conseguimos absorver o que se passa no mundo exterior.

Neste estado de espírito, de introspecção e comunhão com aquilo que me rodeia, tenho repensado alguns aspectos da vida. 

Vou retomar o ginásio e fazer, ao meu ritmo, apenas as aulas de que gosto realmente. Por prazer e não com um grande objectivo definido.

Vou sair mais vezes de casa. Estar com a família e os amigos, em conversa, a comer, a beber, a não fazer nada... Só a estar.

E quero arranjar novos interesses... coisas que me ocupem a mente para que ela não resvale em pensamentos ansiosos e angustiados. Vocês que me lêem e que, possivelmente, passam por situações semelhantes, o que começaram a fazer?

Natalie Portman

9 comentários:

Just a Lady disse...

Ando um bocado parecida contigo nesse aspecto, nem sempre é fácil mas há que tentar :) fechar os olhos por um bocado, respirar, ouvir a natureza, aproveitar os momentos com as nossas pessoas, tentar não pensar demasiado e sofrer por antecipação. O desporto ajuda, enquanto te concentras, descarregas más energias.
Beijinho boa Páscoa*

Timtim Tim disse...

Gostei do espírito. Páscoa é renovar, renascer. Estás com espírito de Páscoa. Em frente.

teardrop disse...

Just a Lady e Timtim Tim,
Muito obrigada pelos vossos comentários :) Tenham uma óptima semana!
Beijinhos

Gaja Maria disse...

Engraçado como andamos sempre tão ocupadas que nem tempo temos para pensar e depois, quando decidimos ter, não sabemos o que fazer. Eu pego na máquina e vou fotografar, ou vou ao ginásio, ou pego na bike e saio para pedalar. Resulta sempre :) Força

Pusinko disse...

Esculturas. Trabalhava diferentes materiais, uns até apropriados para criancas tipo barro mas sem sujar nada :) Enquanto amassava aquecia o material e a consciencia desligava doq ue me afectava. Só me apercebia depois, quando já estava a dar forma a alguma coisa. Várias esculturas ficavam prontas no dia (mais uns dias para secar), outras precisaram de 1 ou 2 semanas de dedicacao diaria, uma forma de meditar com as maos. Há muito tempo que nao o faco, mas sentia-me muito bem depois. Entretanto experimentei pedra sabao que é fácil de moldar para uma leiga como eu, que venho de uma área muito diferente. Algusn instrumentos e verniz e voilà.
Só tenho a 1a que fiz.
Libertei-me de todas as outras.

Teclando nisso, algo que sempre me fez bem foram as artes marciais e a danca oriental. Consegui estados de leveza mental/emocional maravilhosos que outros desportos nao me deram.

Ler ou escrever. Ler algo que gosto, viciante, que me absorva por completo e me tire o sono até à exaustao física. No meu caso podem ser livros sobre templários em quze o real e a ficcao se misturam com intriga religiosa. Escrever sem filtro, tudo o que me vier às falangetas, com ou sem nexo.

Todas sao actividades para o mesmo fim em diferentes momentos da minha vida, embora alguns nao estejam associados ao mote "preciso espairecer vou fazer isto".

Bike, muito bem lembrado pela Gaja Maria! Adoro a minha e canto quando está sol e vou trabalhar ou dar uma volta.

Ahh e ópera ou heavy metal causam o mesmo efeito em circunstancias diferentes. Mas é certo que me tiram de qualquer mau humor ou angústia se ligar o mp3 de propósito para "espalhar".

A minha companheira de casa passa horas na cozinha, faz pao, bolos, doces, inventa, recria... e no fim está bem disposta por ter distraido umas horas de forma produtiva.

forca (com cedilha) Teardrop. Todos os dias sao bons para dar um passo em frente para ser (mais) feliz.


Beijinhos

Diana Fonseca disse...

Acho que fazes muito bem. Só te vai fazer bem.

Pretty in Pink disse...

Assim é que é, muito positivismo para atrair coisas boas :)

Beijinho*

Jovem $0nhador@ disse...

Faz o que te faz bem, o que se faz sentir feliz =) Nada por pressão, só por prazer!

Sónia RM disse...

Passear com a Kika e de máquina fotográfica na mão faz-me maravilhas!
Beijinho***