domingo, 27 de julho de 2014

Mea Culpa...

Quando vim viver para Lisboa, precisava mesmo de me afastar de uma série de coisas que me atormentavam no local onde morava antes com os meus pais.

Este fim-de-semana, durante a entrega de alguns convites para o meu casamento percebi que me distanciei demasiado, mais do que deveria. Quero retomar os contactos, quero estar junto das pessoas de quem gosto, quero fazer parte da sua vida. Ainda vou a tempo. Por isso, espero que o meu casamento seja uma espécie de agregador.

Por mim. E porque senti que também era uma vontade dos meus avós que já partiram e que tanto significam para mim.


7 comentários:

tatianap disse...

O "importante" é reconheceres que ainda poderás vir a tempo de te aproximares daqueles que mais gostas...
Parabéns, e muitas felicidades! :)

Timtim Tim disse...

Eu vivo fora de casa desde que fui para Coimbra estudar. E o meu objectivo é sempre voltar, voltar, voltar!

rosinha cruz disse...

Claro que vais a tempo...penso que o importante é dar o primeiro passo, e isso tu já o fizeste.
Não há nada melhor do que estar rodeada de pessoas que gostam de nós e nos querem bem...talvez por viver um pouco distante da família valorize mais os mimos dos amigos e familia emprestada.
Boa semana.
Beijinhos

rosinha cruz disse...

Claro que vais a tempo...penso que o importante é dar o primeiro passo, e isso tu já o fizeste.
Não há nada melhor do que estar rodeada de pessoas que gostam de nós e nos querem bem...talvez por viver um pouco distante da família valorize mais os mimos dos amigos e familia emprestada.
Boa semana.
Beijinhos

medusa disse...

vamos sempre a tempo de retomar contactos/amizades...e sim nada melhor que o casamento onde consegues ter toda a gente reunida e feliz.

Miss Purple disse...

E quando se mostra vontade e esforço, consegue-se :)

Esse disse...

Tambem fiz o.mesmo em.tempos, mas sim ainda vais a tempo de remediar. :)