quarta-feira, 13 de abril de 2011

Para os meus pais...

Hoje de manhã enviei-lhes uma mensagem a resumir tudo aquilo que me apetecia dizer-lhes. Porque não quero que fiquem coisas por dizer. Porque a vida é demasiado curta e eu nunca fui muito de demonstrar os meus sentimentos. Não quero um dia arrepender-me disso. Por isso, prometi a mim mesma dizer-lhes o que sinto, quando o sinto. Sei que não estão habituados e já me perguntaram se eu estava bem...
Comecei a pensar neste assunto a propósito de um convite de casamento de uma pessoa que me é bastante querida, mesmo que nos tenhamos afastado nos últimos tempos. O casamento era uma questão de tempo. O que me surpreendeu foi o namoro. Ele era o prometido dela desde os nossos tempos de pré-adolescência, quando ainda jogávamos Monopoly. Teve várias paixões arrebatadoras, uma delas por um rapaz que, apesar de meio destrambelhado, era um amor de pessoa e gostava dela de verdade (ou pelo menos eu achava que sim). Mas ela acabou por "optar" pelo prometido. Não quero fazer juízos de valor, vou guardá-los só para mim.


E aqui entram os meus pais. Que não foram perfeitos. Que me fizeram chorar muitas vezes. Mas a quem posso agradecer estar onde estou. A minha mãe fez todos os sacrifícios para que as filhas pudessem ir para a faculdade (caso fosse esse o nosso desejo), para terem uma vida melhor do que aquela que teve e que tivémos enquanto família. Estiveram sempre do meu lado nestas minhas mudanças de emprego. E, sobretudo, deixaram-me sair de casa quando preferiam que tivesse casado. Os meus pais fizeram um bom trabalho e merecem reconhecimento por isso!

11 comentários:

Manuela disse...

Querida Teardrop, parabéns por este teu testemunho de ternura :)
Beijinhos

Marta disse...

Fizes-te muito em mesmo.
É importante nao ter medo nem vergonha de dizer-mos a quem mais amamos o que significam para nós. Importante para eles e paranós, para nao deixarmos nada por dizer.
beijinhos

Lux disse...

E fizeste tu muito bem... Há sentimentos que precisam de ser exteriorizados, até para que os outros o saibam!

xoxo
Lux

S* disse...

Os sacrifícios que eles fazem são impagáveis.

Guinhas disse...

TExto fantástico e admiro imenso a atitude. Realmente nós não sabemos o dia de amanhã e muita coisa pode ficar por dizer!

ROSINHA (tilida5ever design) disse...

concordo em absoluto*

Pusinko disse...

Uma vez tive um susto na vida e pensei que podia ficar sem o meu papá. Desde esse dia prometi dizer-lhe o que sinto sempre que o vejo ou falo com ele ao telefone. E sinto-me bem cada vez que isso acontece. Para não ficar nada por dizer. Nada que seja importante.
O teu post está muito belo por ser sincero, sem florear e com gratidão. Aposto que eles gostaram das palavras que lhes enviaste.
Beijinhos

Claudia disse...

Fizeste muito bem, não devemos, nunca, deixar para tràs o que sentimos que devemos fazer.
beijinhos

Vaca na Lua disse...

Gostei...

Bjito directamente da Lua

coisas minhas disse...

k bonito...


é verdade mesmo as vezes acabamos por nao reconhecer o que os nossos pais fizeram por nos ...

n fazendo juizos de valor .. cada um deve optar pela pessoa com quem se deve casar

Matilde disse...

Oh pá adorei! A sério! Linda demonstração de afecto e ternura.

Beijocas e desculpa a intromissão :)